Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Apesar de ter aqui artigo de opinião sobre o livro que antecede este (O Homem de Constantinopla) a opinião que tenho de ambos é bastante semelhante. Deste autor apenas tinha lido A Filha do Capitão e a sensação que qualquer um dos três livros me provocou foi a mesma: é interessante ás vezes, outras vezes aborrecido (principalmente quando se entra em pormenores muito técnicos) mas no final é agradável. 

 

Um Milionário em Lisboa trás-nos a segunda parte da vida de Kaloust Sarkasian (inspirado em Calouste Gulbenkian), agora já um homem rico e poderoso, que começa a adquirir uma bela colecção de obras de arte. Um outro personagem bastante presente é o seu filho, Krikor, que vai servir de base do que para mim foi o grande ponto forte deste livro: o genocídio arménio durante a 1ª Guerra Mundial. E por fim, outro ponto importante é porque o homem mais rico do mundo escolheu Lisboa para viver. 

 

A primeira parte do livro é sem dúvida para mim a mais interessante, visto que apesar de saber que existiu o genocídio arménio, pouco ou nada conhecia das suas causas e consequências (quase como que se depois do genocídio da 2ª Guerra Mundial todos os outros ficassem esquecidos). Depois, tudo o resto parece mais aborrecido. Kaloust, apesar de ser uma personalidade interessante e um homem de negócios brilhante, é muitas vezes arrogante e mesquinho, o que me faz ter ideia que devia de ser uma pessoa extremamente difícil de se conviver (quem conta as peças de fruta que encomendou, ou faz um escândalo por causa de um peixe trocado?). Krikor quase parece sumir da história e sem ser por menções ocasionais, a sua personagem cai na sombra depois de uma primeira parte tão intensa.

 

Ou seja, na essência, o livro parecia prometer muito, mas depois tornou-se monótono.

 

 Classificação: Ficheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svg

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:25




Disclaimer

Todas as imagens de livros publicadas são retiradas do site das editoras ou dos próprios autores. A imagem de fundo pode ser encontrada aqui.

Classificação

Nem consegui terminar
Não gostei
Ok
Bom
Amei

Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.