Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Um anjo caído

20.01.20

Um Anjo Caído (The Rules of Scoundrels, #4)

No fim ficou apenas por contar a história do fundador do infame clube de jogo Anjo Caído. Que afinal é uma fundadora. Georgiana é irmã de um duque e é expulsa da sociedade porque teve um caso que gerou uma filha bastarda. O seu escape foi conseguir fundar um clube de jogo com apoio de outros nobres também caídos em desgraça criando o seu alter-ego Chase. O motivo: a vingança de todos os nobres, obtendo assim os seus segredos e brincando de Deus com as suas vidas. Georgiana é assim, durante a história, três personagens: ela própria, Chase o fundador do Anjo e Anna uma prostituta famosa e suposta amante de Chase (e a porta de comunicação com ele). 

 

O jornalista Duncan West há muito que negoceia com Chase as histórias mais quentes, mas agora os seus mundos estão prestes a colidir. Nas entrelinhas conhece Georgiana e Anna e percebe que são a mesma pessoa e começa a sofrer ciumes de Chase que parece controlar as duas vidas de Georgiana como um amante exigente.

 

Questões sobre esta história que revelam pouca coerência:

1. Neste período já havia impérios de jornais com poder de mudar completamente a reputação de alguém? (18xx)

2. Nunca ninguém viu Chase mas toda a gente acredita que ele existe e têm medo do seu poder.

3. Nunca ninguém reconheceu Georgiana como Anna a não ser Ducan.

4. Relacionado com o ponto anterior, Duncan descobre em três tempos um alter-ego de Georgiana mas demora um livro inteiro a descobrir o outro quando lhe são esfregadas na cara imensas pistas (afinal não é um jornalista assim tão bom?).

5. Mesmo que Georgiana casasse com alguém com titulo numa sociedade tão restritiva a filha dela seria sempre bastarda e alvo de escárnio.

 

Pontos positivos:

1. A premissa da história é bastante interessante e refrescante, apesar das incoerências acima referidas. 

2. A filha de Georgiana é inteligente e tem presença. Parece bem mais racional que a mãe.

 

Concluído, gostei mais ou menos. A base era interessante embora Georgiana/Chase não se tenha revelado tão inteligente como se previa nos livros anteriores. Não gostei muito do Duncan e a evolução geral da história é lenta e está sempre a bater nos mesmos dilemas.

 

Classificação: Ficheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svg

publicado às 23:27

O Casamento Inventado (Rokesbys, #2)

Uma guerra, um irmão desaparecido e um falso casamento. Felizmente o noivo acorda sem memória.

 

Julia Quinn é uma das minhas autoras preferidas, mas isso não quer dizer que adore todos os livros dela. Este em especial foi um pouco desapontante... eu normalmente devoro os livros e este arrastou-se. A primeira parte é muito lenta e a sempre na mesma tecla: Cecilia mentiu sobre estar casada com Edward porque ele vem de uma família importante e estava bastante doente: isto permitiu-lhe cuidar dele ao mesmo tempo que consegue mais informações sobre o desaparecimento do seu irmão, o melhor amigo de Edward. Quando Edward acorda em vez de lhe dizer a verdade (que honestamente ele ia perceber) inventa mais mentiras e chega ao ponto de forçar uma alergia a morangos para não lhe contar a verdade... As coisas só ficam interessantes quando ele recupera a memória e não lhe diz nada para ver onde ela vai chegar. No fim ficam juntos e felizes com uma cena dramática ao estilo o avião vai partir e tenho de correr para apanhar o avião, mas com um barco.

 

Uma coisa que senti muita falta neste livro e é uma coisa comum noutros da autora é o espírito familiar e personagens secundárias com humor. Ao ser num cenário de guerra as personagens secundárias são todas focadas nesta e na busca pelo irmão de Cecilia, o que faz sentido, mas tornou o livro mais sério e aborrecido, o que não é o que procuro quando quero ler um livro deste género.

 

Classificação: Ficheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svg

publicado às 21:23

Solteira até Sábado (The Weekday Brides, #4)

Sendo o livro imediatamente seguinte ao último post, este conta a história de Karen que é casada com um ator muito famoso. O que não se sabe é que é um casamento arranjado com prazo, pois ele é gay. Tudo corre bem até o irmão dele entrar em cena, Zach, e Karen ser obrigada a conhecer a família do marido ao mesmo tempo que luta contra a atração que sente pelo cunhado.

 

Eu já tinha gostado da Karen e do Michael no livro anterior e por isso a primeira metade do livro foi para mim interessante: a dinâmica deles enquanto amigos e falso casal e a luta entre Karen e Zach para fingirem que não se sentem atraídos. A partir de certo ponto entra um drama de uma adolescente filha de pais mórmon na história (que para mim foi desnecessária) e que muda um bocado a dinâmica do livro e partir dai a história deixou de me interessar tanto.

 

Classificação: Ficheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svg

publicado às 14:26

Implacável

15.09.19

Implacável (The Ravenels, #1)

Esta é a história de uma viúva e de três irmãs que se vêm na eminência de perder tudo quando o marido e irmão morre e a casa bem como o titulo passam para um desconhecido, Devon. Devon é um homem que apenas está habituado a pensar em si mesmo e os seus planos consistem em despachar a propriedade e as suas habitantes, pois esta está atolada em dividas. Até que conhece a viúva, Kathleen e muda de ideias.

 

A historia é ok, o que não gostei mesmo foi as transformações de Devon e do irmão quase literalmente de uma página para a outra de "odeio esta propriedade e não quero saber de nada" para "vamos salvar isto tudo". O que fez com que não gostasse destas personagens o resto do livro. As meninas são bastante divertidas, principalmente as gémeas e fiquem com curiosidade sobre os seus próprios livros (que logo virão).

 

Classificação: Ficheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svg

publicado às 12:19

Adorada até Quinta (The Weekday Brides, #7)

A culpa de estar a ler este livro quando os outros desta série não me cativaram é minha. Eu comprei um livro aleatório desta série (Casada até segunda ou algo assim) e não gostei. Emprestei a uma amiga que adorou a saga e comprou todos os livros da série e agora emprestou-me uns três (fora outro que já me tinha emprestado antes). Como a livro emprestado não se olha o dente, eu tento sempre ler todos os livros que me emprestam.

 

Gabriella é uma mulher atormentada por um passado e um ex-marido violento. É também uma condutora desastrada. Trabalha na Alliance - a agência de casamentos comum a toda esta série - até que recebe um cliente que considera desadequado, o Hunter, um homem rico que não desiste quando quer algo e precisa de uma esposa temporária. Eles casam, por conveniência e chantagem, até que o passado de Gabriella decide voltar para a atormentar e as coisas se complicam.

 

No geral gostei da Gabriella, ela tem um problema e tenta lidar da melhor forma que pode com ele. o Hunter é o típico macho mandão que por causa de uma mulher fica romântico. A história do passado da Gabriella é o motor da história que para mim valeu a pena, o resto da história não foi nada de novo, nem de surpreendente.

 

Classificação: Ficheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svg

 

 

 

 

publicado às 12:04

Dark Net

24.08.19

 

Dark Net

O meu lado geek estava curioso que este aqui, embora não tenha saído exatamente como estava à espera. Existe um mundo na Internet, a Dark Net onde tudo o que é ilícito se pode comprar e vender. Juntando a isto uma componente espiritual de luta entre o bem e o mal, alguém vai usar a dark net como caminho para espalhar algo ainda mais nefasto para o mundo real, o que não será difícil numa sociedade que já não sabe viver offline. As únicas pessoas que poderão impedir isto são Hannah uma menina quase cega que recebe um prótese em que volta a ver mais do que estava à espera; Lela, a sua tia jornalista anti tecnologia; Derek, um hacker e Juniper, um evangelista com uma causa.

 

O livro tem um ritmo muito rápido, morrem muitas personagens e uma forte componente do bem e do mal. Uma coisa que não encaixou muito bem é as personagens do bem terem mal mas as personagens do mal apenas terem o mal. Eu gosto de personagens que são boas e más, porque é real, nenhum ser humano é só bom ou só mau. Acho que apenas alguns tem um lado bom ou um lado mau mais forte. Tirando toda esta discussão filosófica do bem e do mal, é um livro que ficou abaixo das minhas expectativas, ou não foi bem o que estava à espera, tendo um lado espiritual mais forte que o lado tecnológico (o lado tecnológico é apenas um meio) e acho que estava à espera que fosse o contrário.

 

Classificação: Ficheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svg

publicado às 11:38

Os 100 Grandes Erros da História

Quem não gosta de um belo mal entendido que acabou por ter um efeito inesperado? É essa a premissa deste livro, erros da história que mudaram e definiram o mundo tal como o conhecemos. Dividido em vários períodos vai desde a antiguidade ao inicio do século XXI, tem um problema? Pelo menos para mim foi cerca de 90% dos erros serem militares e com algumas descrições um pouquinho demasiado técnicas. Não sou grande estratega e confesso que alguns desses erros foram extremamente aborrecidos. Tirando isso aprendi umas quantas coisas novas e interessantes e foi uma leitura agradável.

 

Classificação: Ficheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svg

publicado às 21:14

Até te conhecer

20.07.19

Até Te Conhecer (Westmoreland, #3)

Depois de dois livros de suspense não muito bem sucedidos decidi voltar a um estilo mais familiar, com uma escritora que me costuma cativar. Literalmente precisava de um livro não muito complicado que me fizesse passar um bom momento. 

 

Sheridan é professora numa escola de boas maneiras na America e decide ganhar um rendimento extra ao fazer de dama de companhia de um menina mimada que vai casar com um barão inglês. Durante a viagem, esta foge com um jovem que conheceu no navio e cabe a Sheridan justificar perante o seu noivo que a perdeu. Do outro lado está Stephen que está nervoso por comunicar à jovem noiva que o barão sofreu um acidente, mas antes que os mal entendidos se esclareçam, Sheridan sofre um acidente, fica sem memória e todos pensam que ela é a noiva.

 

Com uma sinopse que promete um ligeiro caos as expectativas eram altas e a história é no geral interessante e divertida...mas, por vezes senti o ritmo da história lento e um pouco demasiado descritivo (esclarecendo que o livro é enorme, tem 450 páginas). Os protagonistas são divertidos e têm uma química interessante, mas não me encheram as medidas. Foi bom, mas estava à espera que fosse melhor..

Classificação: Ficheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svg

publicado às 16:43

A informadora

08.06.19

A Informadora (Flavia Albia Mystery, #1)

Esta é a história de uma mulher, investigadora, em Roma no ano 89 DC. Flavia Albia tem uma história invulgar e cedo decide seguir os passos do seu pai. Embora a sociedade romana não veja com bons olhos uma mulher a fazer este tipo de trabalho, Flavia sabe lidar com isso de maneira inusitada. Mas as coisas saem fora de controlo quando começa a investigar uma série de homicídios que as autoridades negam.

 

Não conhecia a autora, mas parece que tem uma série (de 20 livros!) sobre o pai de Flavia (e a série da própria Flavia já conta com 7). Tive algumas dificuldades até metade do livro, eram demasiados homicídios, demasiadas personagens e com alguma tendência para me perder. Quando algumas personagens começam a estabilizar e se começam a juntar peças em comum dos vários homicídios a história ficou interessante e finalmente me prendeu (estive para desistir do livro). Não sou especialista na vida em Roma nesta altura, mas gostei do enquadramento histórico, da explicação cultural e citadina, é interessante. No fim, adivinhei quem era o criminoso (not hard) mas mesmo assim a autora surpreendeu-me no fim com outra personagem (e é talvez a ligação com essa personagem que me deixou suficientemente curiosa para continuar a ler esta série). 

 

Classificação: Ficheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svg

publicado às 15:57

Resultado de imagem para a promessa de kushiel

Culminando com os eventos dramáticos do livro anterior, este começa com Phèdre numa posição mortal, acabando salva por um pirata, que ela não sabe se é amigo ou inimigo. Esta reviravolta do destino vai leva-la a conhecer novos países e aliados improváveis. Mas o tempo não para e a ameaça sobre a rainha é cada vez mais iminente.

 

Neste livro quase todas as personagens são novas em cerca de dois terços do livro. Conhecemos novas culturas, novos dramas e novas maldições. Houve ali uma parte de todas aquelas reviravoltas que me desligou um pouco da historia, parecia que ela passava a vida a andar de barco e a conhecer novas personagens que não ficavam tempo suficiente para haver qualquer ligação. Mas por fim, tudo o que começou no livro anterior tem o seu fim e o final acaba por ser todo o drama sobre uma tentativa de golpe de estado. 

 

Classificação: Ficheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svgFicheiro:Star Ouro.svg

publicado às 15:21



Disclaimer

Todas as imagens de livros publicadas são retiradas do site das editoras ou dos próprios autores. A imagem de fundo pode ser encontrada aqui.

Classificação

Nem consegui terminar
Não gostei
Ok
Bom
Amei

Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.