Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

12.07.19

RIP 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 22:54

Begin

24.04.18

 Ás vezes a vida prega partidas que fazem questionar tudo sobre a forma como vivemos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:22

Feliz Natal

23.12.17

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:24

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:08

Symphony

09.06.17

 

Gosto da letra, da música e ainda fiquei a gostar mais das duas primeiras depois de ver este videoclipe. Definitivamente os Clean Bandit vieram trazer uma rajada de ar fresco ao mundo da música com estes temas que misturam clássico com música eletrónica e mensagens relevantes.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:12

About Britney

06.01.17

Eu cresci com a Britney Spears. Dei os primeiros passos na adolescência ao som dos seus álbuns. Com o passar do tempo acabei por desligar da artista, até que à umas semanas andava eu a ouvir músicas aleatórias até que ouvi uma música que era doce (o ritmo e o refrão, na altura não prestei muita atenção à letra). E fiquei muito surpreendida por ser da Britney Spears. Acreditei piamente que se tratava de uma música dos primeiros álbuns dela, toldados por sons mais inocente e românticos.

    

Curiosa decidi ir ver o videoclip da música e ver a letra, a letra era mais carnal do que pensava, mas sem aquele tom de "Britney Bitch" como ela própria cantava nas suas músicas mais recentes, o videoclip era na linha do costume, ela meio despida mas com o bónus de também haver uns moços bem jeitosos (há que alegrar a vista). Descobri também que a música era recente, do novo álbum dela. Acho que não ouvia uma música neste género desta artista, desde Everytime, que surgiu há uns bons 15 anos.

 

Tudo isto para dizer o quê: fui ouvir uma lista com várias músicas dela e é notável apreciar a mudança da doce menina que fazia coreografias de grupo nos videoclips para a artista que dizem ter traído o namorado (Justin Timberlake, à data), que dá um beijo na boca a Madonna e lança músicas cada vez mais provocantes à medida que ela vai ficando com cada vez menos roupa nos videoclips. Que é um passo normal da vida das mulheres este passo de perderem a inocência e acabarem por se tornar em algo novo e diferente, sendo claro que a pessoas famosas tem toda uma escala diferente.

Confesso que não gosto da Britney de agora, enquanto artista, as músicas dela perderam o encanto e penso que a carreira dela passou aquela linha ténue em que uma mulher tem classe e é sensual. 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:01

 

O Spotify lembrou-se de me presentar com uma lista das músicas que mais ouvi em 2016 (a sua maioria no trabalho) e eu decidi partilhar, afinal não se pode falar só de livros.

 

5º - Faded - Alan Walker

Esta aqui acompanhou-me num projeto profissional especialmente difícil e turbulento. Muitas vezes quando saia do escritório sentia que aquele projeto me estava a consumir e sentia-me completamente perdida. Depois de terminado (e correu tudo bem!) cada vez que a oiço volto para lá, mas com um acréscimo de saber que fui bem sucedida.

 

4º - Careless Whisper - George Michael

Só porque sou uma romântica e só o inicio desta música me leva às nuvens! So I'm never gonna dance again, the way I dance with you 

 

3º - Same old love - Selena Gomez

Sobre aqueles amores que já foram, em que se amava e já não se queria nem conseguia amar mais. Apesar de hoje estar bem resolvida ainda me lembro bem da sensação de estar farta daquele amor não correspondido que não havia maneira de desaparecer.

 

2º - Desire - Years & Years

Aos nossos desejos obscuros e secretos. Todos os temos e quem diz que não está a mentir. I want desire, because your love only gets me abused

 

1º - Enjoy the Silence -Depeche Mode

 Sem dúvida a música do ano. Quando preciso me lembrar que tenho muito e que tenho tudo o que preciso.

 

 

Menções honrosas:

- Starboy - The Weeknd

We don't pray for love, we just pray for cars! - Esta música ficou-me na cabeça à custa desta frase, que para mim descreve de forma simples e concisa como nós enquanto sociedade funcionamos. Temos as prioridades todas trocadas.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 21:00

Sweet Ophelia

21.11.16

  

Acerca da inocência e da sua perda... Go up, up away

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:12

 Gosto deste tipo de silêncio.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:11

Let it all go

14.11.15

As vezes só queremos esquecer e deixar ir. Mas o passado arranja sempre maneira de nos apanhar de novo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:22



Disclaimer

Todas as imagens de livros publicadas são retiradas do site das editoras ou dos próprios autores. A imagem de fundo pode ser encontrada aqui.

Classificação

Nem consegui terminar
Não gostei
Ok
Bom
Amei

Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D


subscrever feeds


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.